Projeto Olímpico

Canal OFF

No fim de 2019, o Canal OFF nos propôs um novo desafio: que tipo de conteúdo poderíamos criar para aproximar o OFF dos Jogos Olímpicos de Tóquio, já que o canal não poderia transmitir nenhum trecho do evento, nem mencionar diretamente as Olimpíadas?

A resposta estava nas novas modalidades que estreavam em Tóquio 2020: o skate, o surfe e a escalada. Três esportes centrais no universo do Canal OFF, que serviam como a ponte perfeita entre um canal 100% dedicado à vida outdoor e o maior evento esportivo do planeta.

Unindo nossas equipes de criação, digital e produção audiovisual, criamos, produzimos e distribuímos um pacote completo de conteúdo multiplataforma, que incluía: duas séries de TV, um curta-metragem, minissérie de pílulas digitais, posts para redes sociais e uma matéria de revista.

A estratégia, como de costume, foi manter a autenticidade do canal. O OFF iria comunicar sobre os assuntos que domina: os esportes de ação e a vida ao ar livre. Nossa proposta central era mergulhar a fundo no país que sediava as Olimpíadas e revelar como é a cultura jovem japonesa e qual ligação o povo tem com o surfe, o skate e escalada.

O que encontramos foi fascinante: uma terra muito além do sushi, sumô, robôs e outros estereótipos japoneses; com uma cultura de praia forte e ativa, uma cena jovem em ebulição, num ambiente cercado de paisagens espetaculares e natureza deslumbrante.

Na série de TV Mares do Oriente, viajamos pelo litoral japonês revelando o enorme número de talentos e picos locais, retratando de perto o palco da estreia do surfe nos Jogos Olímpicos. Foram 40 dias da equipe do Sal em terras japonesas, filmando e fotografando sem parar. O saldo: uma série com 13 episódios de 25 minutos para a TV, uma matéria de 12 páginas na Revista Trip – ilustradas com belos registros do amigo e fotógrafo Pedro Gomes – e um curta-metragem que rodou o mundo, premiado em vários festivais.

A segunda parte do Projeto Olímpico Canal Off tinha como objetivo atingir um público mais amplo que o target tradicional do canal, aproveitando a força das Olimpíadas para atrair novos espectadores, que ainda não tinham ligação com o universo de esportes de ação.

Para isso, criamos a série Chegamos Em Tóquio. Usando apenas o material de arquivo disponível pela Globosat, com uma mistura de motion graphics, ilustrações e depoimentos inéditos, a série explica tintim por tintim, de forma bem-humorada e dinâmica, a complexidade dos três esportes de ação estreantes nas Olimpíadas, documentando suas histórias, julgamentos, performances e bastidores.

A série foi produzida em dois formatos: para a TV, com episódios de 25 minutos; e para a internet, com pílulas independentes animadas e narradas.

E, para comunicar todo o conteúdo produzido, planejamos e executamos uma estratégia de divulgação online, com entrega de fotos, vídeos e textos em dezenas de posts para as redes sociais do Canal OFF, do Grupo Sal, e dos atletas e participantes envolvidos no conteúdo.

Voltar para o portfólio